Respirar

Inspira, expira...
Inspira, expira...

Faz isto várias vezes, de uma forma consciente, seguindo o percurso do ar a entrar e a sair do teu corpo.

Inspira, expira...
Inspira, expira...

Continua...

Às vezes esqueço-me que respiro, que tenho de respirar para viver.

Já reparaste como, por vezes, a tua respiração é bastante fraca, como quase nenhum ar entra e sai?Pois, isto era constante em mim e ainda frequente.

Já sofri de asma e quando pratico exercício físico mais exigente (chamado cardio) a minha capacidade torácica é bem limitada.Inspirada neste vento tão poderoso e especial e fazendo uma escolha bem forte e consciente em querer respirar mais e mais profundamente, aqui listo o que faço:

> todos os dias, respiro de uma forma consciente (percebendo a entrada e a saída de ar no meu corpo)

> vou lá fora e respiro profundamente ar puro (ou quase puro!)

> agradeço a capacidade de respiração natural que o meu corpo tem

> medito

> exercito o meu corpo com práticas que adoro e outras que nem por isso

> uso cristais que apoiam a respiração completa, não apenas pela respiração em si, mas também pela inspiração da vida na sua totalidade (por exemplo a sodalite, o quartzo rosa, labradorite rosa e a cornalina)

> faço inalações de menta e/ou eucalipto

> bebo infusões de flor de sabugueiro, limonete e cidreira

> coloco e massajo com as pontas dos dedos indicadores as têmporas com um pouco de óleo essencial de lavanda

> escrevo todos os dias no meu caderno 3 coisas pelas quais sou grata

> aceito o amor que é expresso e expresso amor

> passo tempo de qualidade com o meu marido, amigos e família

> caminho descalça na Natureza

> comunico com a Natureza

> passo tempo de qualidade com as minhas gatas

> comunico/conecto com pessoas que estão longe e que são importantes


Com estas práticas, respirando mais e mais profundamente apercebi-me que

+ Respirar é amar viver+

+ Respirar é amar+


E tu, como respiras?
E quanto respiras?


Aqui está o chazinho desta semana, de flor de sabugueiro e cidreira. Venham, encham a vossa chávena e juntem-se a mim!